Revista de Estudos Culturais e da Contemporaneidade - ISSN: 2236-1499

O discurso feminino em Dom Casmurro e em São Bernardo: uma análise comparativa com o discurso do sujeito-narrador

D.O.I.: 10.13115/2236-1499.2012v1n6p20

Cícera Maria da Silva – UPE

Juzi Maria de Barros Ferreira e Souza – UPE

Resumo:

Na AD, o discurso não é fechado em si mesmo e nem é do domínio exclusivo do locutor; é produzido num campo significativo, simbólico, determinado social e historicamente e é nesse campo que o sujeito se posiciona e atua (ou concorda com a ideologia ou se contrapõe a ela). São observáveis as diferenças essenciais entre a recepção ativa da enunciação de outrem e sua transmissão no interior do contexto ideológico-discursivo, uma vez que essa transmissão leva em conta uma 3ª pessoa, que sofre as influências das forças sociais organizadas sobre o modo de apreensão do discurso. Situando o discurso de outrem no discurso literário, o contexto narrativo começa a ser percebido de modo expresso pelo aparecimento de um narrador que substitui o autor propriamente dito. Partindo dessa perspectiva, analisaram-se as semelhanças enunciativas do discurso masculino e feminino em Dom Casmurro e em São Bernardo, observando-se a (não) existência do discurso de outrem (o feminino) face ao discurso dominante (o masculino) diante das formações discursivas e ideológicas presentes no contexto mediato. Essa pesquisa, de relevâncias social, pedagógica e acadêmica, foi realizada através de pesquisa-ação e de especulação bibliográfica, sendo levada a efeito no 4º bimestre de 2004, com alunas do Curso Normal Médio do Colégio Normal Municipal Dr. Antenor Alves Pedrosa, Correntes-PE. Comprovou-se que as alunas conseguiram fazer uma leitura crítica das obras, compreendendo como o discurso feminino revela o discurso da mulher da sociedade da época, marcado pelo silenciamento.

Palavras-chave: discurso, análise, contexto, ideologia, feminino.

Abstract:
In Discourse Analysis, discourse is not closed in on itself and is not the exclusive domain of the speaker; field is produced in a significant, symbolic, social, and historically determined and is in this field that the subject stands and acts (or agree with the ideology or opposes it). Observables are the essential differences between the active reception of the enunciation of others and their transmission within the ideological-discursive context, since this transmission allows for a 3rd person who suffers the influences of organized social forces on the mode of apprehension of speech. Situating the speech of others in literary discourse, the narrative context begins to be perceived so expressed by the appearance of a narrator who replaces the author itself. From this perspective, we analyzed the enunciation similarities of male and female speech in Dom Casmurro and São Bernardo, observing the (non) existence of the speech of others (women's) face to (male) dominant discourse on the formations discursive and ideological present in the immediate context. This research, social, pedagogical and academic relevance, was conducted through action research and bibliographic speculation, being carried out in the 4th quarter of 2004 with students of the Normal Course of Eastern Municipal Normal College Antenor Alves Pedrosa, Chains -PE. It was proved that the students were able to make a critical reading of the works, including how female speech reveals the discourse of women's society at the time, marked by silencing.

Keywords: discourse analysis, context, ideology, female.

 

 

Revista de Estudos Culturais e da Contemporaneidade - ISSN: 2236-1499

Capa/Sumário Diálogos N.° 6

Home Page da Revista

Normas de Submissão de Artigos