Revista de Estudos Culturais e da Contemporaneidade - ISSN: 2236-1499 - Uma Publicação do CESCAM - Centro de Estudos de Semiótica, Comunicação, Antropologia e Meio-Ambiente da América Meridional


Leia, clicando no ícone ou no título, o Artigo da Revista Diálogos N.° 2 -2.° Sem. 2007:

RUIDURNANO: A Ficção de Uílcon Pereira, Floriano Martins -d.o.i:10.13115/2236-1499.2007v1n2p51

Define-se a obra de Uílcon Pereira (São Paulo, 1946-1995) dentro daquela obsessiva voracidade do eu shakesperiano, obsessão desdobrada a partir de sua visão peculiar do exercício de auto-ironia e do sentido omnívoro de sua versão da originalidade. Lugar evidente da intertextualidade, ao mesmo tempo em que cenário vertiginoso do saque, da pilha; não pura e simples usurpação divertida do texto alheio – como entende parcela da crítica –, mas sim um exercício de invasão aos prejuízos causados pelos domínios precários e evasivos de um falso sentido de originalidade. Mesmo em sua "grande e pacífica diversão", não busca outra coisa o texto de Uílcon Pereira – em seu fundamento irônico – que não seja a negação da originalidade como extensão de uma realidade literária. Insiste em dizer: "sou todos os homens", recusando a deformidade de seu tempo em torno dos falsos atributos da identidade do ser. (...)

 

Autor:  Floriano Martins (Fortaleza, 1957). Poeta, editor, ensaísta e tradutor. Tem se dedicado, em particular, ao estudo da literatura hispano-americana, sobretudo no que diz respeito à poesia. Foi editor do jornal Resto do Mundo (1988/89) e da revista Xilo (1999). Em janeiro de 2001, a convite de Soares Feitosa, criou o projeto Banda Hispânica, banco de dados permanente sobre poesia de língua espanhola, de circulação virtual, integrado ao Jornal de Poesia.

 

 

 

Capa/Sumário Diálogos N.° 2

 

 

Home Page da Revista

 

 

Normas de Submissão de Artigos